Podemos ajudar?

Sebastião Salgado e James Turrell ganham o 32º Praemium Imperiale, conhecido como ‘Nobel das Artes’

Neste ano, o 32º Praemium Imperiale agraciou o fotógrafo brasileiro Sebastião Salgado e o escultor estadunidense James Turrell. Conhecido como ‘Nobel das Artes’, a premiação também concede 15 milhões de ienes, ou cerca de US $ 137.000 para cada. A Associação Japonesa de Arte entrega o prêmio desde 1989, o primeiro brasileiro a receber a honraria foi Oscar Niemeyer, em 2004, o arquiteto Paulo Mendes da Rocha recebeu em 2016, e agora Salgado, em 2021.

O brasileiro é reconhecido internacionalmente por suas fotografias em preto e branco que retratam mudanças climáticas, desigualdades, povos e lugares. Nas últimas séries, Salgado captou poços de petróleo no Kuwait, trabalhadores do café em todo o mundo e a região amazônica. Ele recebeu o prêmio de pintura.

 

Sebastião Salgado e James Turrell ganham o 32º Praemium Imperiale, conhecido como ‘Nobel das Artes’
Dois albatrozes-de-sobrancelha em um ninho, com vista para as Ilhas Willis perto da Geórgia do Sul (2009)

 

 

Sebastião Salgado e James Turrell ganham o 32º Praemium Imperiale, conhecido como ‘Nobel das Artes’
Sebastião Salgado – Papua-Nova Guiné (2008)

 

 

Sebastião Salgado e James Turrell ganham o 32º Praemium Imperiale, conhecido como ‘Nobel das Artes’
James Turrell: Rendering for Aten Reign, 2013, Daylight and LED light, Site-specific installation, Solomon R. Guggenheim Museum, New York © James Turrell, Rendering: Andreas Tjeldflaat, 2012 © SRGF

 

 

Sebastião Salgado e James Turrell ganham o 32º Praemium Imperiale, conhecido como ‘Nobel das Artes’
Dual Shallow Space Construction de James Turrell (2011), instalado no Museu Frieder Burda em Baden-Baden, Alemanha, em 2018.
PHOTO ULI DECK / PICTURE-ALLIANCE / DPA / IMAGENS AP

 

 

James Turrel, por sua vez, foi honrado com o prêmio de escultura. O artista é reconhecido por suas grandes instalações luminosas, fazendo elegantes jogos de luz. 

Também recebendo o Praemium Imperiale este ano estão o arquiteto Glenn Murcutt e o violoncelista Yo-Yo Ma, que receberam respectivamente, os prêmios de arquitetura e música. O prêmio de teatro não foi concedido este ano por consequência da pandemia de Covid-19.