Podemos ajudar?

Pela primeira vez, as duas principais premiações da Bienal de Veneza foram vencidas por duas mulheres negras

Pela primeira, os famosos Leões de Ouro, principais premiações da Bienal de Veneza, foram entregues para duas mulheres negras, Simone Leigh e Sonia Boyce. Simone Leigh foi agraciada por sua participação na mostra principal ‘The Milk of Dreams’, com curadoria de Cecilia Alemani. Sonia Boyce, no que lhe concerne, venceu o prêmio por sua participação no pavilhão nacional britânico.

Simone Leigh representou o pavilhão dos Estados Unidos com a escultura de 16 pés de altura ‘Brick House (2019)’. Ela havia aparecido anteriormente no parque High Line de Nova York e representa uma mulher negra sem olhos que parece combinar com formas arquitetônicas.

Segundo o júri, seu Leão de Ouro foi conquistado pela “escultura monumental rigorosamente pesquisada, realizada virtuosamente e poderosamente persuasiva”.

 

Pela primeira vez, as duas principais premiações da Bienal de Veneza foram vencidas por duas mulheres negras
Simone Leigh com seu Leão de Ouro – CORTESIA BIENAL DE VENEZA

 

 

Pela primeira vez, as duas principais premiações da Bienal de Veneza foram vencidas por duas mulheres negras
Brick House (2019) de Simone Leigh

 

 

Sonia Boyce ganhou por seu Pavilhão Britânico, com curadoria de Emma Ridgway. Através de vídeos, esculturas e exibições de material de arquivo, seu trabalho se focou em artistas negros, principalmente mulheres importantes na história musical da Grã-Bretanha que não obtiveram o devido reconhecimento. 

“Sonia Boyce propõe, consequentemente, outra leitura das histórias através do sônico”, disse o júri através de comunicado.

 

Pela primeira vez, as duas principais premiações da Bienal de Veneza foram vencidas por duas mulheres negras
Sonia Boyce com o prêmio Leão de Ouro

 

 

Pela primeira vez, as duas principais premiações da Bienal de Veneza foram vencidas por duas mulheres negras
Sonia Boyce – Foto : Alex Greenberger/ARTnews

 

 

O Leão de Prata, dado a um “jovem artista promissor” no show principal, foi para Ali Cherri. Menções especiais para a exposição de Alemani também foram concedidas a Shuvinai Ashoona e Lynn Hershman Leeson.