Podemos ajudar?

Galeria Raquel Arnaud apresenta “Rubro”, individual da artista Iole de Freitas

A Galeria Raquel Arnaud apresenta “Rubro”, individual da artista Iole de Freitas. A exposição, que reúne mais de 20 obras inéditas, mostra a vitalidade da cor na sua recente produção escultórica. Essa produção, de extrema força, interage com a arquitetura, na qual se une, construindo um conglomerado de individualidades estéticas, ora posicionadas ao longo da parede da galeria, ora sobre o chão. Em exibição entre 14 de agosto até 18 de setembro de 2021.

Iole nomeou as obras respectivamente de Rubros, Lívidos e Pálidos, além de “Derretida”. Os “Lívidos” se estendem pelo chão; os “Pálidos” e “Rubros” pelas paredes. “ Lívidos” e “Pálidos” remetem à prática pictórica “en grisaille”, onde os volumes eram testados antes em cinzas e beges, para depois receberem o valor cromático desejado, fazendo referência às “ Três Graças, en grisaille”, de Rubem, que circulam como uma dança dentro da galeria.

As ondas e tensões que se manifestam nessa exposição, permitem reacender nossos sentidos de interação com o desenho no campo ampliado. Emoção essa que nos arrebata ao ver uma obra — ou um conjunto delas — não só dispostas, mas conquistando a arquitetura, vis à vis, a partir de variações volumétricas que induzem aos instantes en grisaille, também ancorados pela vitalidade cromática vigorosa dos vermelhos. Assim termina a mostra, mas não a vida.

 

Galeria Raquel Arnaud apresenta “Rubro”, individual da artista Iole de Freitas

 

Galeria Raquel Arnaud apresenta “Rubro”, individual da artista Iole de Freitas

 

Galeria Raquel Arnaud apresenta “Rubro”, individual da artista Iole de Freitas

 

 

 

Galeria Raquel Arnaud

Iole de Freitas – RUBRO

Abertura: 14 de agosto, das 12h às 17h

Visitação: até 18 de setembro de 2021

De terça a sexta, das 11h às 19h, sábado, das 11h às 17h.

Rua Fidalga, 125 – Vila Madalena – Fone: 11. 3083-6322