Podemos ajudar?

Com mais de 100 candidatos, MAM Rio anuncia sua nova diretoria artística

Nesta terça (18), Fabio Szwarcwald, diretor executivo do Museu de Arte Moderna do Rio De Janeiro (MAM Rio) anunciou a nova diretoria artística da instituição. Como resultado da chamada internacional sul-americana em maio, a direção ficará por conta da curadora e pesquisadora carioca Keyna Eleison, e do crítico e curador espanhol Pablo Lafuente.

Eles serão responsáveis por gerir as coleções do museu, além das iniciativas nas áreas de pesquisa, conservação, acervo, cinema e educação. Além do mais, a retomada do Bloco Escola e a parceria com a Residência Capacete também terá participação dos dois.

Com mais de 100 candidatos, MAM Rio anuncia sua nova diretoria artística

Eleison e Lafuente propõe uma visão plural e orgânica da arte, repercutindo a diversidade do Rio e de toda a sociedade brasileira.

“Tenho uma relação afetiva com o MAM Rio e é sobre afeto que se trata nossa direção artística. Eu e Pablo estamos juntos para pensar e desenvolver um museu vivo, situado e em rede. Estabelecer um diálogo prático e intelectual com saberes e visões de mundo, e ocupar espaços internos e externos de muitas formas. Estar na Direção Artística do MAM coloca na minha trajetória e na dimensão coletiva conquistas. Agora, temos muito trabalho pela frente”, relatou Keyna.

Já Lafuente afirma que “A diversidade de visões e a negociação de posições, com o intuito de representar e conectar com a realidade que nos rodeia, no Rio, no Brasil e no mundo, é uma grande oportunidade. Temos a convicção de que só a partir da troca e da construção coletiva é possível criar instituições que façam a diferença”.

Com mais de 100 candidatos, MAM Rio anuncia sua nova diretoria artística

Crédito fotos: Fabio Souza

O MAM Rio recebeu mais de 100 candidaturas, depois de várias etapas de avaliação interna foi decidido que os dois seriam os escolhidos.