Podemos ajudar?

Casa Triângulo exibe a 12ª exposição individual de Vânia Mignone na galeria

A Casa Triângulo apresenta entre 8 de maio e 12 de junho, ‘Vânia Mignone’, a décima segunda exposição individual da artista na galeria, coincidindo com o lançamento de seu novo livro. A publicação, primeira monografia da artista, foi editada pela Piña Cultura e conta com texto introdutório e entrevista com o curador Gabriel Pérez-Barreiro.

Vânia Mignone é reconhecida por suas pinturas que exploram um universo infinito e particular, mas que, ao encontrar os olhos do observador, acabam por se tornar plurais. Não há como se confrontar com a obra da artista sem confrontar a si próprio. Há, em suas retratações, uma forte semelhança com a fotografia; o recorte de uma cena efêmera é aqui trabalhado e imbuído de significados que não só evidenciam um questionamento intenso sobre o humano, mas também o faz refletir sobre si.

A artista traz à luz da consciência situações e momentos aparentemente casuais, mas que carregam toda uma narrativa oculta que ela faz questão de explorar. Mignone evidencia por meio de suas obras o desconforto no que por nós já é conhecido e familiar.

Através dos seus recortes e colagens, Vânia traz profundidade ao que é colocado sobre a lupa observadora da artista que o esmiúça ativamente; o completa com palavras e símbolos, como observado por Gabriel Pérez-Barreiro: “o texto também tem um papel central na obra de Mignone. Quase todas as pinturas incluem uma palavra ou uma frase curta que nunca é descritiva, mas sempre altamente evocativa. Tais palavras servem quase como letras musicais de uma composição visual, e trazem referências que são poéticas e expansivas.

Esses enunciados são parte integral do trabalho, incorporados à composição, e agem como elementos inseparáveis em nossa leitura visual da obra como um todo. As palavras não são legendas nem títulos, mas algo entre ambos, com peso físico e presença atmosférica que as tornam parte efetiva da cena em que estão”.

A mostra será composta por obras recentes e obras publicadas no livro, permitindo uma imersão visual sobre a sua trajetória.

 

Casa Triângulo exibe a 12ª exposição individual de Vânia Mignone na galeria
Foto: Filipe Berndt

 

 

Casa Triângulo exibe a 12ª exposição individual de Vânia Mignone na galeria
Foto: Filipe Berndt

 

 

Casa Triângulo exibe a 12ª exposição individual de Vânia Mignone na galeria
Foto: Filipe Berndt

 

 

Casa Triângulo exibe a 12ª exposição individual de Vânia Mignone na galeria
Foto: Filipe Berndt

 

 

Sobre a artista

VÂNIA MIGNONE [Campinas, 1967. Vive e trabalha em Campinas] é bacharel em publicidade e propaganda pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas, SP, Brasil, e bacharel em Educação Artística pela UNICAMP, Campinas, SP, Brasil. Em 2016 recebeu o Prêmio Jabuti na categoria ilustração. Entre suas exposições individuais destacam-se: “Ecos”, no Museu de Artes Visuais da UNICAMP, em Campinas, SP, Brasil em 2019; “Eu poderia ficar quieta mas não vou”, curadoria de Danillo Villa, no SESC Presidente Prudente, em São Paulo, SP, Brasil, e Vânia Mignone, na Casa Triângulo, em São Paulo, SP, Brasil, ambos em 2017. Participou de diversas coletivas como: “1981/2021: Arte Contemporânea Brasileira Na Coleção Andrea e José Olympio Pereira”, curadoria de Raphael Fonseca, no Centro Cultural Banco do Brasil, no Rio de Janeiro, RJ, Brasil, em 2021; “Proximidades Desiguais”, no Pavão Cultural, em Campinas, SP, Brasil, e “Dia, noite, noite” Coleção Andréa e José Olympio Pereira, curadoria de Júlia Rebouças, em São Paulo, SP, Brasil, ambas em 2020; “Itinerâncias – 33a Bienal de São Paulo – Afinidades Afetivas”, curadoria de Gabriel Pérez-Barreiro, em Campinas, Brasília, Porto Alegre e Vitória, Brasil, e “Inequívoco”, na Fundação Canaria para el Desarrollo de la Pintura, em Las Palmas de Gran Canaria, Espanha, ambos em 2019; 33a Bienal de São Paulo – Afinidades Afetivas, curadoria de Gabriel Pérez-Barreiro, Fundação Bienal, em São Paulo, SP, Brasil, em 2018. As obras da artista estão presentes em coleções como: The UBS Art Collection; Museu Afro Brasil; Museu de Arte Moderna de São Paulo; Pinacoteca do Estado de São Paulo e na Coleção Gilberto Chateaubriand do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, entre outros.

 

Casa Triângulo exibe a 12ª exposição individual de Vânia Mignone na galeria
Vânia Mignone

 

Serviço

Vânia Mignone

  • Exposição: 08.05.2021 – 12.06.2021
  • Local: Casa Triângulo
  • Endereço: Rua Estados Unidos, 1324 –  Jardins – São Paulo
  • Visitação: De terça a sábado das 10h às 19h
  • Site: www.casatriangulo.com