Podemos ajudar?

A Galeria Athena apresenta a exposição “O próximo, o longe, o horizonte”, de Rodrigo Bivar

A Galeria Athena apresenta a exposição “O próximo, o longe, o horizonte”, de Rodrigo Bivar. A mostra abriu para o público no dia 11 de novembro, quinta-feira. A exposição, que tem o texto assinado por Raphael Fonseca, é a terceira individual realizada por Rodrigo Bivar na Galeria Athena, sendo que a última aconteceu no formato virtual, durante o período do isolamento social da pandemia de covid-19. 

Com cerca de oito pinturas entre pequenos e grandes formatos dispostas no espaço Cubo, as obras apresentadas articulam dois interesses latentes do pintor: os campos de cor e a figuração. As telas em tinta a óleo são representações das relações diárias do artista, que define a exposição como uma mostra de retratos. O gênero clássico da pintura se transpõe para a contemporaneidade de Rodrigo Bivar, que atribui à pintura de retratos novos sentidos. Em quatro das telas dispostas na sala expositiva, Bivar representa pássaros, em outras Emerson, seu filho, e Marina, sua companheira. 

Ao longo de sua carreira Bivar provocou transformações significativas em seu trabalho, caminhando entre a figuração e a abstração. As obras mostradas nessa exposição individual intermediam os dois tipos de pintura. Há no primeiro plano a representação dessas figuras, no modelo retratista, porém estas encontram-se sozinhas em ambientes que são grandes espaços de cor, lugares não-lugar, indefinidos e não povoados. 

As figuras, sejam elas nesse caso pessoas ou pássaros, encontram-se envoltas em cenários demarcados por uma linha do horizonte, como em paisagens imprecisas. Esse é o ponto de convergência de “O próximo, o longe, o horizonte”. Os temas escolhidos são resultado de uma condição permanente da experiência do pintar, propondo uma abertura perceptiva para o mundo e seu entorno. 

A exposição do Rodrigo Bivar é um convite à contemplação, como diria as palavras do filósofo Merleau-Ponty: “para o olhar natural que a paisagem me dá, a estrada ao longe não tem nenhuma “largura” que se possa, mesmo idealmente, calcular; é tão larga quanto o é à curta distância, já que é a mesma estrada […]. O próximo, o longe e o horizonte, em seu indescritível contraste, formam sistema, e a sua relação no campo total é a verdade perceptiva.”1 (MERLEAU-PONTY, Maurice). 

 

 

A Galeria Athena apresenta a exposição “O próximo, o longe, o horizonte”, de Rodrigo Bivar
SAÍRA AMARELA, 2021

 

 

A Galeria Athena apresenta a exposição “O próximo, o longe, o horizonte”, de Rodrigo Bivar
EMERSON, 2021

 

 

A Galeria Athena apresenta a exposição “O próximo, o longe, o horizonte”, de Rodrigo Bivar

 

 

A Galeria Athena apresenta a exposição “O próximo, o longe, o horizonte”, de Rodrigo Bivar

 

 

Rodrigo Bivar: O próximo, o longe, o horizonte
11 de novembro até 23 dezembro 2021
Horário: Terça-feira – Sexta: 11h–19h
Sábados: 12h – 17h
Imprensa
[email protected]
+55 21 2513 0703
Galeria Athena
Rua Estácio Coimbra, 50 Botafogo – Rio de Janeiro, Brasil